Qual o melhor tênis de sola reta? Confira nossas sugestões de tênis feminino e masculino para treinar perna na academia!

Assim como há tênis específicos e adequados para cada esporte, está crescendo a conscientização da necessidade de tênis de solado reto para treinar com mais estabilidade e segurança.

Enquanto tênis para corrida são confortáveis, não são estáveis nem oferecem o melhor suporte para agachamento, levantamento de peso olímpico, levantamento terra, stiff, afundo, entre outros exercícios populares em treinos de perna na academia.

Por isso, os tênis com solado reto são ideais para treinos que requerem mais estabilidade e suporte para levantar peso.

Muitos dos tênis para Crossfit tem essa característica de serem planos no solado e com drop baixo.

Dessa forma, aqui sugerimos tênis com sola reta feminino e masculino considerando essas necessidades especiais de estabilidade, suporte e segurança.

São ideais para crossfitters e fãs de academia, além de outros exercícios que precisam de estabilidade.

Critérios para escolher tênis com solado reto:

Os critérios mais importantes na escolha dos tênis que sugerimos aqui são baseados em experiências pessoais e avaliações de usuários sobre a estabilidade, conforto, ergonomia, desempenho, estilo/design e respirabilidade.

É importante lembrar que há diferenças anatômicas nos pés de todos, com suas particularidades, necessidades e preferências. Enquanto algumas pessoas podem sentir que o tênis tem um encalce personalizado, outros podem achar sufocante e apertado.

Porém, não se preocupe, quando o tênis tiver uma forma diferente do padrão, seja ela mais folgada ou apertada, mencionaremos na breve resenha do tênis selecionado aqui. Todos os modelos testados na numeração padrão.

Tênis de sola reta: 10 modelos das melhores marcas

1. Nike Metcon

Nike Metcon 8 feminino
Nike Metcon 8

O tênis Nike Metcon é sem dúvidas um dos mais recomendados para academia. Além de ter a base reta, há conforto interno e durabilidade excelente para treinos pesados no box (Crossfit), musculação (treino de pernas), HIIT e aeróbico.

A nova versão apresenta um solado plano com borracha mais grossa, enquanto usa na entressola o Nike React. Essa combinação faz dele um bom tênis para Crossfit e treino de pernas.

Outro benefício desse modelo é a flexibilidade, permitindo que execute melhor forma nos treinos. O cabedal utiliza um material mesh respirável, mas resistente, com opção de ocultar os cadarços na lingueta para evitar desgaste prematuro.

Na região medial continua com a borracha que aumenta a durabilidade, principalmente em treino de Crossfit com subida de cordas (rope climbing). Seu principal ponto negativo é o preço elevado e poucos modelos, poderia ter mais opções de cores.

Prós:

  • Excelente encalce e espaço interno (bom para pés largos)
  • Ótima estabilidade e aderência
  • Espuma React aumenta a sensação de conforto

Contras:

  • Preço elevado
  • Não prende bem os calcanhares

2. Reebok Nano

Reebok Nano X2 Masculino
Reebok Nano X2

O Reebok Nano X2 é um tênis premium caro e difícil de encontrar, mas não poderia ficar fora de nossa lista. Versátil, confortável e estável, é o tênis favorito de crossfitters profissionais que enfrentam qualquer Workout Of the Day (WOD).

Utiliza o cabedal com tecnologia FlexWeave, material knit (tricô) confortável e respirável que abraça os pés. Na numeração padrão oferece um encalce personalizado que não aperta os dedos no toebox.

Estruturalmente é estável, mantendo os pés (principalmente os calcanhares) no lugar, algo que o Nike Metcon deixa a desejar. Poderá praticar seus treinos de perna como levantamento terra, stiff, afundo com total segurança e estabilidade.

Ele não fica em primeiro na lista devido à dificuldade de encontrá-lo a venda no Brasil. Recomendamos para você que quer um tênis confortável para usar não apenas nos treinos, mas no dia a dia.

Prós:

  • Confortável e flexível
  • Estável
  • Ideal para pés largos

Contras:

  • Preço alto
  • Disponibilidade

3. Under Armour Tribase Reign

Tênis sola reta Under Armour TriBase Reign 3 masculino
Under Armour TriBase Reign

O Under Armour TriBase Reign é um tênis de base reta que custa um pouco menos que os anteriores, mas ainda assim é um preço salgado. Entretanto, é daqueles tênis que você compra e mal pode esperar para treinar, tamanho é o conforto.

Seu design chama atenção, e por não ser muito popular nas academias como o Reebok Nano e Nike Metcon, com certeza receberá elogios. Mas além do visual, seu cabedal é confortável e respirável, evitando que os pés esquentem durante seu treino.

A amarração na nova versão Reign 4 utiliza cadarços achatados, que é melhor que o Reign 2 que utilizava cadarço arredondado que desamarrava facilmente. Continua com uma leve sobreposição em borracha nas laterais para rope climbing, mas nada similar ao Metcon.

É um tênis plano confiável e confortável que oferece excelente tração/aderência a diferentes pisos e terrenos. Ele é mais recomendado para treinos intervalados de alta intensidade (HIIT), Crossfit e levantamento de peso (malhar pernas).

Prós:

  • Confortável e não esquenta nos pés
  • Excelente tração e estabilidade
  • Durabilidade

Contras:

  • Disponibilidade
  • Preço

4. Converse Chuck Taylor All-Star

Tênis Converse All Star cano alto preto sola reta feminino
Chuck Taylor Converse All-Star

O famoso Converse All Star é o tênis com sola reta com melhor custo benefício da lista. Sua palmilha fina e entressola inexistente, contribui para que a força que você faça seja utilizada para levantar o peso.

Seu cabedal é em lona ou tecido, contribuindo para que o tênis esquente nos pés, principalmente em treinos mais intensos. Porém, é um tênis espaçoso que acomoda bem até pés mais largos na numeração padrão.

O modelo estilo botinha (cano alto) ainda oferece suporte extra nos tornozelos, além de ser visualmente mais bonito que o de cano baixo. Mas isso é opinião, ambos modelos (alto e baixo) são ótimas opções para treinar pernas.

A borracha na sola é de qualidade e garante ótima aderência ao solo, resultando em mais segurança durante seus treinos.

Prós:

  • Custo-benefício
  • Excelente estabilidade
  • Versátil, bom para treinar e uso casual

Contras:

  • Esquenta nos pés
  • Durabilidade

5. Vans Canvas

tênis sola reta preto e branco vans canvas masculino
Vans Canvas

O tênis Vans Canvas entra como uma opção ao All-Star, já que oferece a mesma experiência de uso nos treinos. Há versões de cano baixo e cano alto, assim como o Converse All Star, é questão de preferência, mas o cano alto (SK8-HI) dá mais suporte aos tornozelos.

O cabedal em lona tem o mesmo problema de esquentar nos pés, mas como treinos são geralmente rápidos, não é uma inconveniência. O formato é amplo e acomoda bem os pés, não havendo necessidade de comprar numeração maior/menor.

Assim como o Converse, esse modelo tem drop mínimo (0 mm), resultando em maior estabilidade e aproveitamento da sua força. A borracha na sola é rígida e reta, mas com padrões que garantem aderência/segurança para levantamento terra e outros exercícios.

Recomendamos esse calçado se não gostar do design dos Chuck Taylor All Star. Porém, tênis Vans são mais caros, então considere isso na sua escolha, já que ambos te atenderão perfeitamente.

Prós:

  • Estiloso
  • Excelente tração e estabilidade
  • Versatilidade e durabilidade

Contras:

  • Preço
  • Esquenta nos pés

6. Rock Fit Grip

Tênis preto Rock Fit Grip Unissex
Rock Fit Grip

O tênis Rock Fit Grip é bastante usado por iniciantes no Crossfit, já que apresenta ótimo custo-benefício. Visto que alia uma base reta e ampla para maior estabilidade, mas flexibilidade na biqueira para não limitar a movimentação nos exercícios.

Utiliza um tecido resistente no cabedal (lona resinada) que protege os pés, mas não é muito respirável. Ao calçar na numeração padrão, é justo, então vale a pena pegar um número maior, principalmente se tiver pés largos.

Internamente não há muito espaço para os dedos moverem no toebox (biqueira), então não é uma boa escolha para quem tem joanetes. Porém, pés normais terão bom conforto para suas atividades, exceto pela forma justa e pouca respirabilidade.

A sola plana emborrachada tem excelente tração e aderência ao solo, dando maior segurança contra escorregões durante seu treino. O cadarço tem boa amarração, a lingueta é acolchoada o suficiente para não incomodar no peito dos pés.

Prós:

  • Custo-benefício
  • Durabilidade
  • Estabilidade e aderência

Contras:

  • Esquenta
  • Forma apertada

7. Everlast Range

Tênis sola reta branco Everlast Range HI
Everlast Range HI

O Everlast Range é outro tênis de base reta com excelente custo-benefício, principalmente em promoções. Há uma versão cano baixo, ideal para treinos que necessitam de mobilidade, e outra de cano alto (Range HI), para mais estabilidade e proteção aos tornozelos.  

Seu cabedal em tecido macio tem boa respirabilidade e oferece proteção durante seu treino. A forma é pequena para quem tem pés largos e até mesmo pés normais, se tem pés pequenos (estreitos), compre na sua numeração, caso contrário, um número maior.

A sola com borracha que não marca oferece ótima tração em diferentes pisos, aumentando a segurança durante seu treino. Outro ponto positivo é sua ótima estabilidade, sendo menos flexível que outros da lista.

Não é a melhor escolha para todos, visto que tem problemas de durabilidade, principalmente para praticantes de Crossfit de rope climbing (subida de corda). Outra observação é a forma estreita, incomodando nas laterais de quem tem pés mais largos.

Recomendamos se está em busca de um tênis com sola reta barato para treino em casa ou na academia. Não é ideal para praticantes de treinos com vários exercícios de alongamento e impacto envolvidos, pois este é mais duro e menos flexível.

Prós:

  • Bom, bonito e barato
  • Estabilidade, aderência e tração
  • Mais vendido

Contras:

  • Durabilidade
  • Forma estreita

8. Adidas adiPower

Adidas Adipower branco
Adidas Adipower

O Adidas adiPower é um tênis para halterofilismo, entra na lista como opção para quem tem problemas de amplitude de movimentos. Se você não consegue fazer agachamento completo por limitação dos seus tornozelos, esse tênis te ajudará dando mais suporte no calcanhar.

Apesar de ter base reta, ele tem uma plataforma na região do calcanhar, aumentando seu drop. Não prejudica sua forma, inclusive pode até ajudar a fazer agachamentos com mais peso e manter sua coluna perpendicular ao chão.

Muitos que aderiram a esses tênis retos com plataforma elogiam o fato de terem melhorado sua forma, com menos dores nas costas, joelhos e tornozelos em posição natural. Nesse a entressola é rígida, então toda força aplicada é utilizada no levantamento de peso.

É um tênis caro, por isso, recomendamos para atletas mais entusiastas de levantamento de peso olímpico, terra, agachamento entre outros. Não é versátil, recomendamos seu uso apenas para os dias que for fazer agachamento.

Prós:

  • Perfeito para agachamento com muita carga
  • Excelente estabilidade e conforto
  • Formato que adapta aos pés

Contras:

  • Caro
  • Nada versátil

9. Nike Romaleos

Nike Romaleos branco
Nike Romaleos

O Nike Romaleos é um tênis para powerlifting e levantamento de peso olímpico. E, por isso, figura nessa lista apenas como opção se compete ou quer competir, ou ainda, precisa de suporte para levantar mais carga.

É claro que não é apenas para atletas profissionais, também é bom para quem tem dificuldades para fazer agachamento com maior amplitude de movimento. Seja por limitação de movimento dos calcanhares ou por sentir dores na lombar e coluna.

Essa elevação no calcanhar ajuda na hora de manter a forma correta durante o agachamento ou levantamento de peso. Não apenas oferecendo mais suporte por conta da base reta, mas maximizando a força aplicada sem sobrecarregar as articulações.

O Nike Romaleos é um dos mais vendidos para atletas profissionais, porém, tem um preço elevado e difícil de encontrar à venda. Na numeração padrão já oferece um encalce confortável, até melhor que o adidas adiPower para pés largos e normais.

Prós:

  • Suporte e estabilidade premium
  • Conforto e proteção
  • Ajuste que gruda o tênis nos pés

Contras:

  • Preço alto
  • Durabilidade da correia

Por que é bom treinar com tênis de sola reta?

Homem usando tênis de sola reta Nike Metcon para treino
O principal benefício é a estabilidade.

Ao contrário dos tênis com amortecedor, os tênis com sola reta têm melhor estabilidade e suporte para treinos que precisam dessa característica. Ao treinar perna com muito peso, os pés/joelhos podem ficar numa posição desfavorável e nada natural.

Com isso, aumentam-se as chances de alguma lesão ligamentar, como entorses/torções acidentais. Pensando nisso, se você usa tênis muito macios e com drop alto durante treinos de perna ou levantamento de peso livre, colocará sua saúde em risco.

Sendo assim, no dia de treino de pernas é melhor optar por um bom tênis com sola reta. Hoje há diversas opções e modelos de calçados esportivos e poderá até usar alguns casuais. Desde que seja rente ao chão ou com entressola mais baixa e minimalista.

Além disso, o uso de tênis sem amortecimento evita que parte da força que você faça, seja desperdiçada pela espuma na entressola (amortecedora). Com isso, além de mais estabilidade, terá mais força nos movimentos.

Segundo o centro especializado em pés e tornozelos Arlington/Mansfield, há outros benefícios em usar calçados de sola reta, são eles:

  • Melhora sua postura
  • Evita neuromas e fascite plantar
  • Melhor estabilidade e suporte
  • Diminui o inchaço

Posso treinar com tênis All Star, Vans, casual e de plataforma?

Homem fazendo levantamento terra com tênis All star verde de solado reto
Treinar pernas calçando tênis All Star ou Vans pode ser uma ótima ideia.

Uma das opções favoritas atualmente são os tênis de skatistas, como o Converse All-Star, Vans e outros tênis de skatistas. Esses modelos de lona, tem entressola finíssima, com borracha no solado que garante ótima aderência e estabilidade para seu treino.

Dessa forma, poderá treinar com tênis All Star e Vans, desde que não haja durante seu treino necessidade de amortecimento ou que passe várias horas em pé. Em contrapartida, se for correr, pular ou caminhar, é melhor um tênis com amortecimento.

Por que não se pode treinar perna com qualquer tênis?

tênis nike mostarda e preto em uma participante de levantamento de peso
Tênis devem ser usados conforme o esporte praticado.

Não se pode treinar com qualquer tênis na academia pelo mesmo motivo que você não deve correr com seus sapatos sociais e casuais, não foram feitos para isso. Há alguns tênis versáteis que oferecem estabilidade e conforto para treinar, mas não são todos.

O ideal é ter dois pares de tênis para usar na academia, um para dia de treinos de perna e outro para atividades de impacto. Mencionaremos aqui alguns que preenchem ambas as necessidades sem comprometer a estabilidade e suporte.

Tênis para basquete, apesar de ter ótima estabilidade e base plana, foi projetado para ter de absorver impacto, prejudicando sua forma e desperdiçando força. Sendo assim, não recomendamos tênis de basquete para treinar pernas.

Tênis para aeróbicos são bons para treinos de membros superiores e em aparelhos, corridas e caminhadas na esteira, dança e atividades de alto impacto nas articulações. Entretanto, para treinar perna e levantamento de peso livre, não é o ideal.

Chuteiras de futsal apresentam uma ótima alternativa, pois tem base reta e pouco amortecimento. Entretanto, são mais justos e esquentam nos pés. Além disso, nem todas as mulheres gostarão da ideia de treinar com chuteira.

Como escolher o tênis de sola reta ideal para treinar perna?

homem fazendo deadlift com tênis azul
Como escolher o tênis ideal para treinar perna?

Agora que você já conhece os benefícios e riscos de treinar com tênis desapropriados, separamos algumas dicas para você escolher o melhor tênis de solado plano que combine com seu estilo e orçamento.

Muitos pensam ser melhor treinar descalço, visto que não há tênis que oferecerá tamanha liberdade e naturalidade de movimento quanto os próprios pés.

Não é o recomendado, primeiro porque algumas academias não permitem a entrada descalço.

Além disso, o tênis não serve apenas para absorver impacto ou dar estabilidade. Ele oferece proteção em caso de acidentes, como deixar um halter ou anilha cair nos pés, ou bater em algum lugar acidentalmente.

Os tênis ideais para treinar perna ou Crossfit são os de sola reta e drop baixo. Além disso, devem ter estabilidade, respirabilidade, proteger os pés e ainda assim serem confortáveis. Pensando nisso, separamos essas dicas para escolher o tênis plano ideal para treino:

  • Seja confortável, mas ainda dê suporte: a palmilha e o cabedal serão responsáveis pelo conforto, enquanto a entressola e solado mais firmes darão o suporte.
  • Materiais de qualidade: certos tecidos, couro, camurça, TPU, além de protegerem seus pés, evitam desgaste prematuro, principalmente no Crossfit.
  • Estilo e design: nada adianta pegar um tênis bom, mas que você não use, seja por não gostar ou combinar com seu estilo/esporte.
  • Se você tem problemas para agachar até o chão por falta de mobilidade do tornozelo/joelho, um tênis com elevação no calcanhar pode ajudar a dar maior amplitude ao movimento.
  • Flexibilidade: o tênis não deve limitar a movimentação natural dos seus pés durante o exercício. O trabalho do solado é dar suporte e estabilidade, não controlar o movimento.

Conclusão:

homem usando tênis cinza com base reta para fazer levantamento terra
Então, qual tênis com base reta escolher?

Esses tênis permitem que você tenha uma melhor base de suporte para fazer agachamento, levantar pesos, afundo e outros exercícios com peso livre. Além disso, seu desempenho atividades como Crossfit se beneficiam muito com uma base plana.

Há atualmente diversas opções de tênis com essa característica, porém, não muitos são vendidos de forma oficial no Brasil.

Caso não queira errar na sua compra, recomendamos que adquira um dos 7 primeiros modelos. Os 3 primeiros são os melhores disponíveis no Brasil, enquanto os outros 4 são opções voltadas para o custo-benefício e economia.

Já os tênis que mencionamos no final são para atletas que precisam de suporte no calcanhar. Recomendados para uma movimentação que ajude na deficiência de amplitude causada por falta de mobilidade dos tornozelos, tíbias longas, dores lombares, coluna, falta de estabilidade, etc.

Esperamos que essas sugestões de tênis com sola reta te ajude. Tentamos encontrar opções que agradem todos os gostos e bolsos, mas sabemos que há pouca variedade e disponibilidade.

Imagens: Pexels / Vitor Freitas